Musical

Crítica – Cantando na Chuva (1952)

Cantando na chuva talvez seja um dos filmes mais eufóricos da história do cinema. Afinal que não conhece aquela famosa cena em que Gene Kelly está agarrado a um poste de luz satisfeito por dançar na chuva. E melhor quem nunca tentou reproduzir a mesma cena em algum poste de luz pelas ruas da cidade. O filme não é contagiante apenas por está cena, ele é um musical lindo, que nos mostra a adaptação e transição do cinema de uma forma divertida como dançar e cantar na chuva. [Leia mais]